top of page
  • Foto do escritorTech Crop Agronegócio Ltda.

Estimuladores de Crescimento vs. Fertilizantes: Qual a Diferença e Qual Escolher?

Entenda as Diferenças entre Estimuladores de Crescimento e Fertilizantes Agrícolas.

Componentes responsáveis pelo crescimento das plantas

Promotores fisiológicos e fertilizantes frequentemente são confundidos no mercado agrícola, principalmente devido a algumas semelhanças em seus objetivos. Ambos buscam melhorar o crescimento e o desempenho produtivo das plantas, e muitas vezes, as descrições de produtos podem ser genéricas ou vagas, tornando difícil para os agricultores entenderem claramente a diferença entre eles. Embora possuam objetivos similares, estes produtos possuem funções distintas.


Fertilizantes

Os fertilizantes são substâncias que fornecem nutrientes essenciais e complementares às plantas. Eles são ricos em elementos como nitrogênio, fósforo, potássio e outros que, fornecidos gradualmente, melhoram a fertilidade e promovem a atividade microbiana benéfica ao solo.


Promotores Fisiológicos

Os promotores fisiológicos, conhecidos também como estimuladores de crescimento, são substâncias que atuam no equilíbrio das reações bioquímicas das plantas, abrangendo desde a germinação até o crescimento vegetativo, florescimento, frutificação e maturação. Essas substâncias não fornecem nutrientes diretamente, mas trabalham em conjunto com os processos naturais das plantas para melhorar seu desempenho e saúde.


Por meio da ativação de mecanismos de defesa, melhora na absorção de nutrientes, promoção do desenvolvimento radicular e aumento da resistência a estresses ambientais, os promotores fisiológicos proporcionam um estímulo significativo ao crescimento saudável das plantas.


Em circunstâncias adversas causadas por estresses bióticos (pragas e doenças) e abióticos (ventos, calor excessivo, chuva excessiva, falta de luminosidade, frio intenso, seca, etc.), os promotores fisiológicos, ou estimuladores de crescimento, evitam que o ciclo de vida da planta seja encerrado prematuramente. Sua capacidade de modular respostas de defesa ajuda as plantas a enfrentar adversidades, resultando em culturas mais robustas e produtivas.


Conclusão

Em resumo, embora os promotores fisiológicos e os fertilizantes compartilhem semelhanças em suas aspirações de aprimorar o crescimento das plantas, é essencial compreender a distinção entre esses produtos. Agricultores podem escolher as abordagens mais adequadas às necessidades específicas de suas culturas, alcançando resultados ótimos com o uso de promotores fisiológicos.


Saiba mais

Caso queira saber mais sobre como utilizar os promotores fisiológicos para potencializar o seu plantio e obter os melhores resultados para suas culturas, nossa equipe técnica está pronta para ajudar! Entre em contato conosco pelo WhatsApp: (15) 99661-1274 ou visite nosso site em http://www.techcrop.com.br/. Estamos aqui para auxiliá-lo a tomar decisões que alcancem o sucesso na sua produção agrícola.

0 comentário
bottom of page